A Floresta Amazônica e os povos da floresta

Ontem 05 de setembro foi o Dia da Amazônia, mas não vi grandes postagens, matérias e afins falando da floresta que está em nosso país e que por muito tempo foi chamada de pulmão do mundo. A Amazônia pode não ser o pulmão do mundo, mas com certeza, tem fundamental importância no ambiente, não apenas no Brasil e países vizinhos no qual está instalada, mas mundialmente. O que acontece na Amazônia ecologicamente se reflete no clima de todo o mundo.

Ontem não tivemos muito o que comemorar já que recentemente tivemos situações que evidenciam o desmatamento cada dia maior da floresta e os interesses de governo e empresas em tirar o dinheiro que puderem da floresta sem se importar com o que acontecerá com o meio ambiente e os povos da floresta.

No entanto, como sou uma pessoa mais otimista que pessimista, bora falar de ações que contribuem com os povos da floresta.

Minha área maior de atuação é com moda – e mesmo muita gente acreditando que moda seja futilidade, vejo moda como um agente transformador da sociedade e no momento contemporâneo a moda sustentável, que respeita o meio ambiente e as pessoas, está na berlinda.

A marca franco-brasileira de tênis Vert desenvolve projetos com povos da floresta já que utilizam a borracha extraída da Amazônia em seus produtos. Gosto de empresas que percebem seu real valor social e que se envolvem nas questões de seus colaboradores. E para comemorar o Dia da Amazônia a marca lançou o vídeo que conta um pouquinho de sua história e dos colaboradores que moram na floresta e extraem a borracha natural.

https://www.youtube.com/watch?v=0sFRPLLPcWI&feature=youtu.be

Desde os anos 60, o uso generalizado da borracha sintética derivada do petróleo, fez cair o preço da borracha natural. Com isso, os habitantes da Floresta Amazônica foram em busca de atividades mais rentáveis como a criação de gado e a venda de madeira, gerando desmatamento e desequilíbrio ecológico.

A sobrevivência da Amazônia depende da exploração responsável e sustentável de seus recursos, e o látex extraído das seringueiras faz parte desses recursos. A VERT paga um preço 50% acima do mercado pela borracha usada em todas as nossas solas. Esse preço justo melhora a renda das 120 famílias de seringueiros parceiras no Acre e age como um freio no desmatamento.

VERT
Com design parisiense, fabricação e matéria-prima 100% brasileira, os tênis da VERT são feitos de materiais reciclados ou lona de algodão orgânico, cultivado por agricultores familiares do nordeste brasileiro, sem uso de agrotóxicos. Palmilha e sola são fabricadas com borracha nativa da Amazônia, comprada de seringueiros do Acre dentro das regras do comércio justo. O objetivo da VERT é criar calçados de design clean e urbano, buscando sempre um impacto positivo na cadeia produtiva, tanto na parte social como ambiental.

SAC VERT
(51) 3065-6100
www.vert-shoes.com.br
@vert_shoes

E você se importa com a Amazônia?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *