Financiamento Coletivo para implantação do Ambulatório Popular para o tratamento da dor em SP

Sentir dor é terrível e atrapalha demais a vida das pessoas (eu que o diga, o que passei esta semana). Você se estressa, perde produtividade, falta no emprego etc.

E se houvesse um ambulatório para tratamento da dor através da acupuntura que é um dos métodos mais eficazes no combate a dor e com preços populares? E você pode colaborar com a implantação do projeto contribuindo com a campanha de financiamento coletivo que está rolando no Kickante, até 29 de março.

Com a crise econômica os valores de planos de saúde ficaram inviáveis para muitas pessoas que acabaram por desistir dos planos. Consultas e medicamentos custam caro e a dor muitas vezes é diária, crônica, precisa de tratamento para que a pessoa volte a ter qualidade de vida. Segundo dados cerca de 37% dos brasileiros sofrem de dor crônica.

A acupuntura é um método altamente eficaz no tratamento da dor e recomendada pela OMS – Organização Mundial de Saúde. Muitos estudos científicos comprovam a eficácia da acupuntura no tratamento da dor e de acordo com mais de 4 mil pacientes o método traz mais resultados que o medicamento no tratamento da dor e na redução de crises.

Geralmente após algumas sessões de acupuntura (cerca de 5 ou 6) a dor é reduzida consideravelmente e o paciente pode deixar o medicamento de lado. Em outros casos, acupuntura e remédio caminham juntos.

Conhecendo esta triste realidade, a acupunturista, psicóloga e professora universitária Adriana Guedes formatou o projeto do Ambulatório Popular para Tratamento da Dor com o objetivo de oferecer serviço de qualidade com baixo custo para a população que sente dor. Adriana é também uma das minhas BFFs e estou contribuindo com o projeto através do meu trabalho como assessora de imprensa.)

“Atuo com acupuntura há doze anos e ao constatar tantos problemas que parecem não ter solução no SUS e nem via convênios médicos, decidi criar um ambulatório para tratamento da dor através da acupuntura, para que as pessoas possam ter mais qualidade de vida ao deixar de sentir dor e poder cumprir suas atividades diárias”, declara Adriana Guedes.

A campanha

Para que o Ambulatório Popular para o Tratamento da Dor se torne realidade, Adriana Guedes criou uma campanha de crowdfunding (financiamento coletivo) no Kickante www.kickante.com.br/campanhas/ambulatorio-popular-tratamento-da-dor

A campanha fica no ar até 29 de março de 2018 e a meta é arrecadar R$ 50 mil para a implantação do Ambulatório Popular.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *